Especiais > Espelho da Beleza |

Traição... O que fazer?

sab, 08/05/2010 - 15h00

Estranha a sensação. O que sentir? Raiva? Decepção com outro? Decepção consigo mesma? Uma vontade incontrolável de vingança? Humilhação? Não importa que tipo de relacionamento você tenha com o outro, quando somos traídas, a dor é muito grande. É como se parte de nós fosse destruído.

Mas, e diante de uma traição homossexual? Quando adolescente, tive um relacionamento com uma pessoa. Ele era até muito querido. A família era conhecida. Por uma série de vezes foi ao colégio onde eu estudava para conversarmos na hora do recreio, ou para me levar para casa no final das aulas. Nunca demonstrou nenhum interesse ou qualquer tipo de afeto por homens. Mas, eis que num belo dia, minha mãe chegou para mim e falou: ?Tereza! Saia de fulano! A tia dele veio falar comigo que ele tá de caso com um gay em Trancoso e que esse gay tá até querendo saber quem é a namorada dele aqui no Arraial!?

O primeiro sentimento foi de humilhação. Quando trocadas por uma mulher, o grau da derrota vai de acordo com a beleza da outra mulher. Há casos em que a troca é absolutamente uma derrota para o otário. Que só vai saber o que perdeu quando percebe a burrada que fez. E aí, de nariz bem empinado, desfilando com um carinha melhor do que ele, simplesmente dizemos: ?Perdeu, mané!? Mas, ser trocada por outro, por um homem! Não há grau de derrota. Há derrota humilhante mesmo! Depois vem a raiva. Ô raiva danada! Mesmo que ele não fosse o grande amor de sua vida. Trair? Não! Isso não se faz!!! Em seguida, decepção. Decepção consigo e com o ex. Nossa dedicação, nosso carinho, nosso bem querer, tudo jogado fora. Será que foi pouco demais? Será que o gay soube ser mais carinhoso e mais antencioso do que eu? Não, não desejei vingança. Até porque não ia entrar numa briga contra um gay por alguém que não merecia!

Aqui em Porto Seguro teve caso de mulher que flagrou o marido com outro na cama e, sem muito pensar, descarregou um revólver 38 nos dois. Não acertou nenhuma bala. Mas, a história ficou na lembrança do povo.

A reação diante de uma traição, seja ela qual for, depende muito de pessoa para pessoa. As piores são as reações violentas. Os chamados crimes passionais. Acho que não chego ao extremo de agir violentamente contra uma pessoa. O mínimo que pode acontecer é, simplesmente, sumir da vida do condenado e rogar um monte de praga (muito comum com a mulherada).

31 comentários no Vilaclub

Comente!
NOME Gizela Muege
seg, 31/05/2010 - 12h47 - reportar abuso

Realmente é triste... nem consigo definir o que mais me fere. Se é a traição de uma amiga ou de um amado, apenas sei que se a pessoa de quem gostamos e na qual depositamos tudo de bom nos oferece isso em troca acaba com a gente. Confesso que sou muito ciumenta, quando me deparo com uma traição sinto me incapaz. A primeira dor que surge é a incopetencia, sinto me culpada... Sinto que vacilei no controle, no afecto, no amor. E chego ao ponto de pensar que era inevitavel que ele agisse assim...

responder ao comentário
NOME Ren Hahn
seg, 24/05/2010 - 20h23 - reportar abuso

Olha, veja no meu blog que passei por uma situação parecida, não fui trocada, nem tínhamos um relacionamento sério... mas de qualquer forma doeu e me senti muito desvalorizada. Depois uma amiga me falou que ele andava com um homem aí a muito tempo e me senti mais \"lixo\" ainda.Mas agora eu caio na gargalhada com a situação... DEIXA O CARA SE F... pra lá, literalmente se ele gosta rsrsrs ainda mais que pelo que vc falou, isso aconteceu a alguns anos atrás.Então tente enterrar essa estória e parte pra outra.Vc é superior a isso, com certeza! Quanto a perdoar uma traição, somente se o amor for muito grande e a pessoa tiver a certeza de que por ocasião de uma briguinha não irá jogar na cara do pulador de cerca o que ele fez e que o perdoou.Ou seja, se conseguir realmente deletar o ocorrido. EU admito publicamente: SOU FRESCA AO EXTREMO, não conseguiria deletar, iria ficar com nojo dele e não conseguiria mais beijar com vontade aquela boca que sei lá por onde andou e chutaria a pessoa na hora...nada de perdoar, não conseguiria. Eu jamais trairia, pois sexo pra mim tá ligado a amor e intimidade, sintonia total com o parceiro, então como faria com quem não é meu parceiro?Nem conseguiria me soltar... tenho certeza absoluta! Por isso quem trai não presta pra mim. Agora levanta esse astral e deixa o tempo te trazer uma pessoa maravilhosa, isso certamente ocorrerá! Bjs no coração.

responder ao comentário
NOME MARTA CAMPOS
sex, 21/05/2010 - 16h18 - reportar abuso

Coisa feiaa da parte dele nehhh.. Não fique triste Nossa Pai todo Poderoso sabe o q faz; antes agora do q depois. Mas q um ódiooo da viuuu. Da vontade de mandar um fuba nun bicho desses. Mas por favor não desanimi, estou c/ vc. Bom fds. Bjssss...

responder ao comentário
NOME tyene aguiar
quin, 20/05/2010 - 21h24 - reportar abuso

tambem passei um problema parecido com o seu,tinha 18 anos comecei a me envolver com um cara que só me decepcionou no começo parecia tudo lindo ele dizia que me amava que era tudo na vida dele,até que depois de 1 ano e 2 meses de namoro surgiu uma conversa que ele tinha me traido com um colega dele,ele sempre me jurou que nao esse colega veio falar comigo dizendo a mesma coisa,queria acreditar mais veio a pressao da familia ninguem queria o namoro resolvi terminar dias depois viajei e ele foi tambem na viagem então ficamos mais uma vez,só que ja tinhamos terminado foi ai que no final de ano resolvi cortar todas as relaçoes com ele,ele sempre negou tudo, mais era dificil de acreditar pois tinha muitos comentarios foi ai que ele foi embora mais não me deixei abater fiquei com outros caras ai me apaixonei novamente por um homem maravilhoso que me fez esquecer aquele episodio hoje meu ex namora com uma mulher e parece que esta noivo e eu tambem feliz da vida faça como eu viva intensamente não deixe se abater pois problemas são provas de nossa capacidade para solucionarmos lembre-se que quem perdeu foi ele!!!

responder ao comentário
NOME lia luz
qua, 19/05/2010 - 19h33 - reportar abuso

fuiiii traida,me casei aos 15 anos tive meu primeiro filho aos 16 ,fiquei casada com ele 09 anos um dia de tanto sofrer peguei minha coisas e fugi com o meu filho que na epoca tinha 04 anos era traição era maus trato me denegria a imagem em fronte as pessoas e isso foi me colocando pra baixo então resolvi figir dele .e disia a ele que se um dia fosse embora nunca mais voltaria e nem choraria se ele viesse a falecer,e não e que ele veio fez um pampeiro dos inferno na minha vida mas nem ligava pra ele , e nisso ele se iritou comigo ai minha amiga que a coisa ficou preta ele veio com violencia me batia no meio da rua me xingava de todos os nomes e eu firme e forte fui trabalhar para sustentar meu pequeno e amim por que dele não queria nada so a distancia,pedi o divorcio e ele negou todas as vezes fazia um escandado no foro na frente de policiais gritava comigo DEUS sabe quanto penei na minha vida por conta deste homem .e ele quando estavamos juntos so era traição bebedeira madrugadas a fora .mas dei um basta me separando .e elle veio muitas vezes atras pra voltar .e eu nunca kisss .por fim ele ja e falecido se foi com 33 anos de tanto beber fumar não se cuidava foi uma pena era um homem muito bonito tinha os olhos azuis e era moreno.hoje tenho um relacionamento que tambem sofro de uma maneira diferente ele e ciumento de mais me sufoca gosto de ser livre mas tentei ja me separar mas não tem geito ele e um chiclete .mas no fundo eu tenho dó dele por ser sozinho .mas e isso ai vou levando a vida e a vida me levando.haaa este não me trai não e fiel ate demais.beijos

responder ao comentário
Veja mais comentários

Quiz de Celebridades!

Quem é mais jovem?

VILACLUB - O conteúdo da rede do Vila Mulher

Top Temas