Vamos aprender a lidar com nossa dor emocional

Dom, 19/05/2013 - 13h22    |   Reportar abuso
Por umamulher

É inevitável a todos nós lidarmos com a dor emocional. Sempre que passamos por uma situação difícil em nossa vida, como uma grande frustração, uma perda irreparável, decepções, vamos lidar com a dor emocional sem nenhuma duvida. 
Essas situações sem duvida nos empurram para baixo, e como não poderia deixar de ser nos afeta negativamente em nossos relacionamentos do dia a dia. Sentimos pesar, infelicidade, ansiedade, medo diante dos fatos  que a vida nos apresenta por vezes. A nossa carga emocional negativa aumenta drasticamente, e tudo começa a ser um verdadeiro tormento para nós.
Pronto! Instalamos o sofrimento em nossa vida, por não conseguirmos compreender e aceitar a nossa dor emocional. Quando falo em aceitar, isso não significa que devemos gostar do que estamos sentindo, ou que devemos desejar as tragédias da vida de uma forma passiva, mas temos que nos adaptar a elas, sem nenhuma duvida, esse é o caminho para modificar as situações difíceis por que passamos.
Você pode dizer para mim: ?Mas como vou aceitar que estou com câncer? Como posso aceitar que vou morrer??  
Já ouvi isso.  Amigo morrer não é um privilegio seu nem meu, a morte é a coisa mais democrática que existe. Todos nós vamos morrer. A morte não depende do câncer, do ataque cardíaco, da AIDS, de nada. A morte É. Tenha essa consciência sempre dentro de você. E siga com sua vida.
O quero dizer é que a nossa dor emocional depende basicamente da avaliação que fazemos da situação, das crenças que escolhemos, das nossas expectativas e dos nossos desejos, do que de algo que gera sofrimento e dor em nós.
Quando passamos por serias dificuldades em nossa vida, é bastante natural que nosso nível de humor diminua perdermos a vontade de nos divertirmos, de compartilhar com os que nos são próximos. Isso não é de nenhuma forma ser fraco, é um processo natural da vida.
Os problemas, os momentos tristes e desesperadores acontecem na vida de todos nós, e não apenas de quem recebeu um diagnostico de câncer. Não é fingindo que não estamos tristes, que não estamos abatidos diante de fatos que nos deixa ansiosos, e muitas vezes sem conseguirmos ver uma saída que vamos ser positivos.
A nossa força não está em fazer de conta que nada está acontecendo. A nossa força se encontra na forma como vamos lidar com os fatos que nos desafiam. Não tem como sermos impenetráveis aos acontecimentos negativos da vida. Mas existe como aprendermos a construir em cima desses fatos negativos. Ou seja, tem como orientarmos nossos dramas para tirarmos o máximo de lição dele. E assim, modificarmos nossa vida positivamente, e quem sabe até modificarmos a vida dos que nos rodeia.
Tenha certeza que os momentos difíceis vão acontecer sim. Mas se orientarmos nossos pensamentos e nossas atitudes para que esses momentos sejam superados?  E se aprendermos a aceitar a transformação em nosso corpo e em nossos sentimentos como um momento de transformação, e enfrentarmos os desafios que representa para nós todas essas transformações? Sem duvida vai bem mais fácil lidar com o problema.
Vamos dar atenção a esses fatos desagradáveis, e muitas vezes até desesperadores, e entender o que eles estão querendo nos ensinar.
Infelizmente nossa cultura não nos ensina a aceitar e viver com os sentimentos de tristeza, de ansiedade, de medo, de raiva, de frustração. Fomos ensinados que esses eram sentimentos negativos, ruins e por isso aprendemos a escondê-los dentro de nós.  Essa é sem nenhuma duvida um dos motivos de tantos canceres hoje. Não sabemos como lidar com nossas dores emocionais, e vamos escondendo dentro de nós. Em algum lugar elas tem que sair, serem liberadas soltas.  
Hoje eu acredito que uma das habilidades mais importantes em nossa vida seja essa, aprendermos a lidar com a dor emocional, não sabemos deixar os acontecimentos tristes e que nos dói simplesmente acontecer. Não nos foi ensinado a presenciar a tristeza, a dor e a permiti-la. Basta ir a um velório ou ao um hospital e vamos ver essa verdade de frente.
 A maioria das pessoas fazem qualquer coisa para que o outro não ?sinta? a dor emocional, como se isso não fosse natural da vida. Entenda a tristeza, a dor, o medo, a raiva, as decepções, não são nossos inimigos, desde que permitirmos que essas emoções exista em nós, e as incorporamos.
Aprendemos a repudiar esses sentimentos que nos causa dor emocional, e nos esquecemos que eles fazem parte da nossa condição de humanos, fazem parte da vida de uma forma mais ampla. Tudo o que vive em nós ou mesmo através de nós é parte da nossa experiência como seres humanos, tudo isso tem utilidade e não precisamos escolher o sofrimento e a infelicidade para aprendermos com as experiências tristes da nossa vida.
Força, foco e fé!


Post original do Blog Tenho câncer e quero viver > Veja este e outros post's acesse:
http://queropviveretenhocancer.blogspot.com/2013/05/vamos-aprender-lidar-com-nossa-dor.html





Seja a primeira a comentar

Publicidade

Especiais Vila Mulher

Quiz de Celebridades!

Quem é mais jovem?

VILACLUB - O conteúdo da rede do Vila Mulher

Top Temas

50 tons de cinza beyoncé 50 tons de cinza bolo de cenoura bolo de chocolate cabelos curtos casamento cortes de cabelo decoração dieta dukan emagrecer flor de tecido gravidez kama sutra maquiagem penteados perfumes importados pulseiras reciclagem sapatos sexo anal sexo oral tatuagem unhas decoradas